O fundo do mar será o novo eldorado?

Ciências

O fundo do mar será o novo eldorado?

Sonapeca.com.br
Publisher Logo

13 de Fevereiro de 2018

Cobre, zinco, ferro e até ouro, o fundo do oceano contém recursos minerais que fazem as grandes mineradores encherem os olhos. Este ambiente natural virgem torna-se uma nova fronteira para a exploração mineral.

 

Atualmente muitas minerados veem o fundo do mar como o próximo passo para uma nova fonte de exploração mineral. Os sulfetos do oceano resultantes da combinação de enxofre e dezenas de metais, do ferro banal ao selênio muito raro, são encontrados nos depósitos marítimo em aberturas hidrotermais quando o fluido que escapa encontra a água fria do mar. Ao longo dos milênios montanhas com dezenas ou centenas de metros de diâmetro apareceram.

 

Seu conteúdo de metal é impressionante, mais de 10% de cobre enquanto que as principais minas chilenas o teor do minério não passa de 0,5%. Algumas fontes contêm mais de 20% de zinco, 25% de ferro, ouro  15 gramas por tonelada e prata a 400 gramas por tonelada.

Uma primeira operação começará em 2019 por uma empresa canadense Nautilus Minerals. Que irá explorar uma região a 1.600 metros de fundura na Papua Nova Guiné. O robô de extração de 310 toneladas capaz de cortar o fundo do mar em fatias já está operacional. A vantagem desse tipo de exploração é que ao contrário das operações terrestres os minérios altamente concentrados produzirá pouco desperdício. Um mal menor, pois é um dos últimos ambientes ainda intocados por qualquer atividade humana.

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Tecnologia

Já é possível imprimir em 3d objetos de vidro

Saúde

De onde vem as nossas preferências alimentares?

Parceiros
Uêba - Os Melhores Links
EuTeSalvo - Salvando os melhores blogs! TrendsTops - Agregador de Links
Fake - O agregador de links mais Original da Net Ocioso
GeraLinks - Agregador de links