Músculos Robóticos com uma força incrível é criado inspirado no origami

Tecnologia

Músculos Robóticos com uma força incrível é criado inspirado no origami

Sonapeca.com.br
Publisher Logo

13 de fevereiro de 2018

Uma equipe de pesquisadores do Laboratório de Informática e Inteligência Artificial do MIT e do Instituto Wyss da Harvard desenvolveram um novo método para a fabricação de um músculo artificial extremamente forte a um custo muito baixo. A tecnologia foi inspirada na arte japonesa do origami que permitiu criar um músculo robótico capaz de levantar até 1.000 vezes seu próprio peso.

 

Os músculos são construídos sobre uma estrutura de bobinas de metal ou folhas de plástico, dobrados e fechados em uma bolsa de plástico selada. Esses músculos se contraem quando uma bomba retira o ar ou líquido contido no saco e expande quando o ar ou o líquido é reintroduzido. Este método permite a fabricação de músculos a um valor bem baixo sendo que cada músculo custa cerca de US $ 1 para produzir, diz o estudo publicado na revista Proceedings of the National Academy of Sciences.

 

Dependendo do dobramento do esqueleto, é fácil orientar a direção da contração e variar as direções em que os músculos exercem seus esforços. Isso possibilita a criação de uma gama muito variada de movimentos, desde a contração longitudinal, contrações cardíacas, realização de um proto-tentáculo ou alicate capaz de agarrar objetos, como pode ser visto no vídeo abaixo.

 

Estes músculos artificiais “podem gerar cerca de seis vezes mais força por unidade de área do que o músculo esquelético de um mamífero, e também são incrivelmente leves”, diz o co-autor Rob Wood, professor de ciência aplicada na Universidade de Harvard, em o site da Universidade. Um músculo de 2,6 gramas pode levantar um objeto pesando três quilogramas – o equivalente a um morcego que levanta um carro.

 

 

 

Com a criação desses músculos que tem propriedades similares ao músculo natural será possível construir quase qualquer robô para quase qualquer tarefa. E por uma boa razão, esses músculos podem ser construídos ​​em múltiplas versões mais ou menos transparentes ou capazes de se autodestruir quando em contato com um líquido.

 

Como resultado, o seu campo de aplicação é imenso: desde a robótica espacial (pelo seu peso de pena que facilita o seu transporte) até a microcirurgia (porque é possível fabricar versões de alguns milímetros a um metro dependendo de o mesmo processo). A pesquisa foi financiada pela Agência de Projetos Avançados de Pesquisa de Defesa (DARPA) e pelo Instituto Wyss de Engenharia Biologicamente Inspirada.

Biologia

Rara baleia branca foi filmada por um drone

Tecnologia

Dados de 57 milhões de usuários do Uber foram roubados por dois Hackers

História

A história de Spartacus o gladiador rebelde

Galeria de Fotos

As etnias do mundo em fotos de tirar o fôlego

Saúde

De onde vem as nossas preferências alimentares?

Parceiros
Uêba - Os Melhores Links
EuTeSalvo - Salvando os melhores blogs! TrendsTops - Agregador de Links
Fake - O agregador de links mais Original da Net Ocioso
GeraLinks - Agregador de links